AQUI UM ESPAÇO PARA COMPARTILHARMOS A NOSSA VIDA,NOSSA FELICIDADE, NOSSAS VITÓRIAS E TUDO MAIS....

domingo, 5 de janeiro de 2014

Heimweh: Saudade

Hoje quero compartilhar com vocês um texto que encontrei no blog: (http://alemanhaeinfach.wordpress.com/2011/04/19/heimweh-saudade-de-casa/).


Heimweh significa saudade de casa principalmente quando se está bem longe de casa. Eu por exemplo estou no Brasil, mas tenho muita saudade da Alemanha( Heimweh nach Deutschland). A expressão Heimweh (lê-se ráim vê), é só mais uma daquelas expressões do idioma alemão que me encantam. Heim se parece com a palavra home em inglês e significa lar, é mais comumente usado como sufixo, como Mahnheim, Kinderheim etc. Weh significa dor, mas é uma palavra que não é usada sozinha. Se você fala que sua perna dói, antes do weh vem o verbo tun (colocar). Com o weh depois do verbo (Meine Beine tut weh) fica então a idéia da dor. Com o Heim a situação é parecida, apersar dessa palavras não ser um verbo e sim um substantivo. Heimweh é a dor de lar, significa o sentimento que a gente tem de saudade especificamente do nosso lar.Existem outras palavras em alemão que podem significar saudade ou algo parecido: Sehnsucht e Vermissen (verbo transformado em substantivo). Porém Sehnsucht tem um significado mais nostálgico. Não se fala que se tem Sehnsuch de comida, ou de algo feliz. A palavra de alguma forma sempre está ligada a algo mais  triste. Vermissen é proporcional ao nosso sentir falta. De qualquer forma ainda assim não é saudade. A palavra que mais se adequa a sensação de saudade de casa é mesmo a Heimweh. Ainda assim ela é levada ao sentido mais nostálgico, todavia usada apenas quando o sentimento em questão se liga a saudade do país, da família que ficou pra trás, amigos etc.  Quando se mora no exterior as pessoas tem mania de imaginar sua vida como um conto de fadas. Imaginam que você tem dinheiro, luxo, conforto, que a sua  vida é o máximo. Mas a verdade não é bem assim. Tem a confusão do dia a dia e os enrolos da vida, chega uma hora que você para e pensa se isso tudo vale realmente a pena!

Vale a pena ficar tão longe das pessoas que você tanto ama? Vale a pena sacrificar o convívio por causa de tanto estudo? Vale a pena ver a vida passar, ver as pessoas que você ama envelhecerem, morrerem e você nunca ter tempo para estar com elas porque a sua agenda de estudos ou trabalho não permitem? Vale a pena, por questão de economizar (tempo e dinheiro) pensando no amanhã – um dia que você nem sabe se vai existir – deixar de viver o hoje?
E aí bate a saudade. As lembranças de infância, a vontade gigantesca de sentir o abraço de quem a gente ama, o tato, o cheiro, tocar no cabelo, caminhar junto… mas tudo que sobra é a voz ao telefone, e graças a Deus que nasci numa era que existem telefones, senão seriam apenas caligrafias, o cheiro da caneta, do papel… Mas talvez também um pouco do aroma de la de casa…
É gente, isso é Heimweh, esse sentimento nostálgico de saudade. Quando estava na Alemanha sentia muita saudade do Brasil, estando aqui sinto falta de lá. 

alles ist heimweh...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...